O Cafezinho

Clique para compartilhar o link do texto original

O quiprocó da oposição em torno de quem será o Líder da Minoria na Câmara dos Deputados ganhou novos capítulos nesta quinta-feira.

[...]

Após a “autoproclamação” de José Guimarães (PT-CE) como novo Líder da Minoria, o PDT, que tem prerrogativas regimentais conquistadas no início da legislatura, encaminhou um protesto ao presidente da Casa, Rodrigo Maia, dizendo que não tinha sido ouvido.

A decisão de Maia, publicada hoje no site da Câmara, foi cancelar a indicação de Guimarães. A atual ocupante do posto, a deputada Jandira Feghali (PCdoB), permanece como Líder até que a oposição chegue a um entendimento.

Contatamos o deputado André Figueiredo, líder do PDT na Câmara, para tentar entender o que aconteceu.

Cafezinho: Deputado, e agora como fica? Jandira será mantida como líder da Minoria ou ainda será decidido?

Figueiredo: “Ainda será decidido. Não significa com isso que não possa ser o próprio Guimarães. A questão é que, da maneira como o PT fez, desrespeitou os demais partidos da Casa. E isso passa necessariamente pela prerrogativa de discussão com o PDT, que era o maior partido, do maior bloco, no início da legislatura. Então nós temos que necessariamente que respeitar os direitos regimentais que o PDT tem. Pra que seja o Guimarães, e não vamos discutir essa possibilidade ainda, tem que haver esse respeito à democracia interna dos partidos que formam a minoria, em termos de posicionamento, e também discutirmos, dentro do bloco da oposição, a estrutura que a minoria tem hoje, que deverá ser dividida em dois, para que tanto minoria quanto oposição possam realmente ter os mesmos espaços, para poder produzir conteúdo, e, claro, entrar nos debates”.

A resposta do deputado traz, portanto, algumas informações novas:

  • Houve, na visão do PDT, o ensaio de um pequeno “golpe” regimental por parte do PT. Mesmo que Guimarães seja escolhido, haverá cicatrizes na relação entre as duas legendas, que já não andava boa desde os acontecimentos que marcaram as eleições presidenciais.
  • A oposição, como se sabe, tem direito a duas posições: Liderança da Minoria e Liderança da Oposição. Como é hoje, a Liderança da Minoria tem estrutura e a Liderança da Oposição é apenas um título. Pelo que disse Figueiredo, a oposição vai trabalhar para equilibrar as duas funções, de maneira a terem, ambas, estruturas iguais ou parecidas. Seria uma solução salomônica neste momento.

O post “PT desrespeitou os demais partidos”, diz André Figueiredo (PDT) sobre a escolha do novo Líder da Minoria apareceu primeiro em O Cafezinho.

Leia o texto completo em O Cafezinho