Altamiro Borges

Clique para compartilhar o link do texto original

Por Altamiro Borges

Na cavalgada golpista contra Dilma Rousseff, o traíra Michel Temer, os rentistas e a mídia venal garantiram que bastava derrubá-la para a economia voltar a crescer. As antas do site Antagonista até alardearam que o PIB dobraria logo após a deposição ilegal da presidenta. E teve midiota que acreditou…

***

[...]

Logo após o golpe do impeachment, em pleno covil de Michel Temer, os mesmos picaretas juraram que bastava fazer a tal "reforma trabalhista" que o desemprego despencaria, o salário aumentaria, o consumo bombaria e a economia voltaria a crescer. E teve midiota que acreditou novamente…

***

Chocado o ovo da serpente fascista, que resultou na eleição de Bolsonaro, os abutres financeiros e a mídia rentista prometeram que "agora vai". Que bastava Paulo Guedes fazer a tal "reforma da Previdência" para a economia deslanchar. E ainda teve midiota que acreditou… É ser muito panaca!

***

Agora todos os dados confirmam a grave crise econômica e como há midiotas no Brasil. Mesmo após a intervenção do Banco Central, o dólar fechou a semana com novo recorde, a R$ 4,65, e já acumula aumento de 15,6% no ano. Diante do caos, o parasita Paulo Guedes ainda disse que a situação pode piorar "se eu fizer muita besteira".

***

O clima de pessimismo já contagia até o "deus-mercado". A Folha relata que "gestores de fundos de investimentos estrangeiros têm uma visão sombria do Brasil. A avaliação é que além de crescer pouco, ao redor de 1% novamente neste ano, o país tem um governo com muita dificuldade".

***

O "deus-mercado" teme que Bolsonaro fique disfuncional e que o abutre Paulo Guedes, que pediu "15 semanas" para aprovar suas reformas neoliberais, seja defecado. "A crença é que, ao fim do prazo, Bolsonaro aumentará a pressão por resultado e isso pode degringolar a política econômica".

***

Temendo que a economia "degringole" de vez, os abutres financeiros já pulam fora. A mesma Folha informa que "até 4 de março, estrangeiros sacaram R$ 44,8 bilhões da Bolsa de Valores brasileira em 2020. O valor supera o montante retirado em todo o ano de 2019, de R$ 44,5 bilhões".

***

Se a economia já estava mal de saúde  como comprova o "pibinho" de 1,1% em 2019 , agora ela deve piorar ainda mais com a epidemia do coronavírus. Na sexta-feira (6), por exemplo, a Anfavea anunciou que a produção de veículos pode ser interrompida em março por falta de peças.

***

Segundo a Anfavea, a epidemia do coronavírus já reduziu o envio de autopeças ao Brasil. A China é a maior fornecedora de componentes para os automóveis produzidos no país, com 13% de um mercado estimado em US$ 13 bilhões, em 2019. Sem peças, fábricas de vários estados podem parar.

***

Ainda sobre o impacto da crise no setor, a Anfavea informa que a edição 2020 do Salão do Automóvel de São Paulo foi cancelada após desistência de várias montadoras  entre elas Chevrolet, Toyota e Hyundai. O evento, que ocorreria entre 12 e 22 de novembro, foi remarcado para 2021.

Leia o texto completo em Altamiro Borges